UFPI altera edital do concurso para 41 cargos efetivos na Assembleia

UFPI altera edital do concurso para 41 cargos efetivos na Assembleia

Assinatura do edital do concurso da Alepi
(Foto: Nayane Miranda) O edital do concurso público para preenchimento de 41 vagas para cargos efetivos na Assembleia Legislativa vai ser alterado. As mudanças acontecem após contestação da União Nacional dos Taquígrafos (Unaqi) e de pedido de impugnação feita em ação pública. A Unaqui questionou a ausência de prova prática para o preenchimento das vagas. E a mudança foi adicionada ao edital.  A impugnação de origem do público diz respeito a inclusão do tempo de serviço público como prova de título. A Procuradoria da Assembleia foi consultada e acatou a contestação. “Assim a comissão se debruçou novamente e estudou as mudanças pertinentes que foram concluídas e a Copese já fez a divulgação”, explicou Edmar  Rodrigues, da Escola do Legislativo e membro da comissão organizadora.  As mudanças no edital já foram divulgadas pela UFPI. Veja os intens que foram alterados no edital divulgado no dia 02 de setembro.    

Dê sua opinião: