PODER

Insumos para produção de mais 8,6 milhões de doses de vacina chegam na quarta-feira

Governador Wellington Dias prevê que 10% dos brasileiros estarão vacinados até março

Chegada de insumos para produção de vacina contra a Covid-19

Chegada de insumos para produção de vacina contra a Covid-19 Foto: Governo do Estado de São Paulo

Os insumos para produção de mais 8,6 milhões de doses da vacina Coronavac contra Covid-19, da chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, chegam ao Brasil na quarta-feira (3), segundo anunciou o Governo do Estado de São Paulo. O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), comemorou a boa nova.

“Notícia muito boa. Permite acelerar para fevereiro e até começo de março ampliação de vacinação no critério da idade e comorbidades, e com as vacinas já aplicadas passarmos dos 10% da população imunizadas. Bom trabalho, governador Dória”, elogiou Dias.

O governador acredita que a meta de vacina 10% da população brasileira até março vai ser ampliada. " Isso vai permitir, com o que já estamos aplicando de vacina, passar de 10% de brasileiros vacinados até começo de março. Vamos seguir trabalhando juntos, pois cresceu a chance de alcançar a meta de 25% da população brasileira imunizada. Toda a população do grupo de maior risco: cerca de 50 milhões de pessoas. E é isto que vai reduzir adoecimento, reduzir hospitalização e reduzir óbito em mais de 50%", previu.

Distribuídos em contêneires e levados em sete caminhões até o aeroporto de Pequim, na China, o lote contém 5,4 mil litros de IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo), composto que será formulado e envasado no Instituto Butantan.

“E já acertado para próxima sexta-feira, às 10h30, com embaixador da China, que está acompanhando com o governo da China sobre cronograma de entrega de IFAs pelos contratos com Butatan e Fiocruz, para produção de 100 milhões de doses no Brasil por cada laboratório", adiantou Wellington Dias.

Fonte: Folhapress

Dê sua opinião: