PODER

Dr. Pessoa vai empregar o quinto familiar no primeiro escalão da Prefeitura

Além de Samara Conceição, outros quatro familiares foram empregados por Dr. Pessoa

Prefeito de Teresina, Jose Pessoa Leal, o Dr. Pessoa, no Palácio da Cidade

Prefeito de Teresina, Jose Pessoa Leal, o Dr. Pessoa, no Palácio da Cidade Foto: PMT

A primeira-dama Samara Conceição vai mesmoi assumir a Secretaria Municipal de Economia Solidária (Semest). Será o quarto familiar do prefeito empregado na Prefeitura de Teresina.

A nomeação da esposa foi anunciada pelo prefeito de Teresina, José Pessoa Leal (Republicanos), o "Dr. Pessoa", na semana passada. Além do filho, o "Pessoinha", presidente da Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano (ETURB), Dr. Pessoa emprega o genro, André Lopes na Secretaria de Governo e o sobrinho, major-PM Cláudio Pessoa na Strans, e o majorPM Flávio Pessoa, irmão de Cláudio,  na Assistência Militar da PMT

A nomeação de Samara teria o apoio do vice-prefeito Robert Rios (Republicanos)  e do presidente da Câmara, vereador Jeová Alencar  (Republicanos).

“Não aceitam como candidata porque ela tinha um relacionamento mais próximo comigo. Agora, na parte administrativa, que ela é focada principalmente nessa parte de pequenos, investimentos, micro e pequenos, é um grupo de amigos que querem que ela assuma a pasta”, adiantou Dr. Pessoa. 


“Estamos aí para ajudar, já estávamos fazendo um trabalho bonito na gestão do prefeito Dr. Pessoa e estamos à disposição para fazer muito mais com os pequenos produtores os microempreendedores, vamos à frente. Estamos prontos para trabalhar”, emendou a primeira-dama.

 Em ofício de 2 de maio, a conselheira do Tribunal de Contas do Estado Flora Izabel estabeleceu um prazo de 15 dias para que o prefeito Dr. Pessoa apresente formalmente a defesa dele em relação à denúncia de "nepotismo" na Prefeitura de Teresina feita elo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Teresina. O Sindserm requereu ao TCE-PI que o prefeito  apresente a relação de familiares empregados na Prefeitura.

“Sobre todos os parentes do gestor. Inclusive requeremos que o TCE solicite a lista de todos os parentes dos mesmos, que ocupam cargos na gestão. A denúncia é anterior às imoralidades divulgadas nesta semana”, afirmou o presidente do Sindiserm, Sinésio Soares.

Fonte: Paulo Pincel

Dê sua opinião: