Sessão solene é realizada em homenagem ao Ministério Público


O vereador Deolindo Moura cumprimentou o Procurador de Justiça Alípio Santana

A Câmara Municipal de Teresina realizou, na manhã desta segunda-feira (17), sessão solene em homenagem ao Dia do Ministério Público, comemorado nacionalmente no dia 14 de dezembro. Na oportunidade, também foram entregues títulos de cidadania teresinense para a promotora de Justiça Flávia Gomes Cordeiro e para o procurador Alípio Santana Ribeiro. As proposições foram do vereador Deolindo Moura (PT).

“O Ministério Público desempenha uma importante missão na nossa sociedade e essa sessão solene para homenagear a instituição é mais do que merecida, assim como desses dois grandes membros do Ministério Público, a promotora Flávia Gomes e o procurador Alípio Santana Ribeiro, que têm uma série de serviços prestados por Teresina e hoje são reconhecidos como filhos dessa terra”, diz o vereador Deolindo Moura.

O procurador-geral do Ministério Público, Cleandro Moura, agradeceu a homenagem e ressaltou que o Dia do Ministério Público marca a sanção da Lei complementar que definiu as regras gerais para a organização da instituição em nível estadual e federal. “Agradeço à Câmara Municipal de Teresina por ter reconhecido a importância social desse marco histórico, promovendo essa sessão solene. Meu muito obrigado à essa Casa Legislativa e a seus parlamentares, indistintamente, em especial ao vereador Deolindo Moura, pela propositura desta homenagem”, diz.

A promotora Flávia Gomes Cordeiro recordou sua chegada à Teresina e afirmou que recebe a o título de cidadania teresinense com muita emoção.

O procurador Alípio Santana Ribeiro, por sua vez, agradeceu a homenagem. “Por mais que eu coloque palavras de agradecimentos dirigidas ao Legislativo Municipal, aos vereadores, em especial ao vereador proponente, elas certamente não dizem nem refletem o tamanho dos meus sentimentos e da gratidão que me toma neste momento, ao tornar-me filho da cidade de Teresina, terra querida, que tanto amo”, ressalta.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Ascom