Não conseguem fritar Júlio Arcoverde


A frigideira está com óleo bastante quente para fritar o deputado estadual e presidente estadual do Progressistas, Júlio Arcoverde. O interessado nessa queimação do parlamentar esqueceu de um pequeno detalhe: Júlio Arcoverde é filho do ex-governador Dirceu Arcoverde. Desde de menino que ele convive com todo tipo de político.

FAGEP Informa

A vaga de secretário estadual de Justiça, devido a decisão de sair do advogado Daniel Oliveira, já está garantida para outro advogado. Carlos Edilson, até ontem, estava certo que irá ficar no lugar de Daniel Oliveira. Só deve aguardar o apito final do governador Wellington Dias, antes que algum partido aliado solicite o cargo.

Posicionamento

Referente a nota “Elmano de volta”, veiculada na coluna Politicando neste sábado, dia 27, o senador Elmano Férrer (Podemos) agradece o convite do governador Ibaneis Rocha para ingresso no MDB e se sente lisonjeado. Entretanto, reforça que já teve experiência na sigla do Piauí que, inclusive, tem quadros valorosos. O senador ressalta ainda estar bem acomodado no seu atual partido, o Podemos, e satisfeito com os caminhos e decisões da sigla.

Também não vai

Não é só o deputado petista Franzé Silva que não deseja fazer parte do secretariado de Wellington Dias, não. Oliveira Neto (Cidadania23) já conversou com o governador e disse estar pronto para apoiar o seu governo. Mas, na Assembleia Legislativa. Porém, Oliveira Neto garante que se Wellington Dias precisar de um secretário, o Cidadania 23 tem pessoas competentes para o cargo.

Feriado é bom

Desde de ontem que um grupo de vereadores de Teresina planeja realizar, nesta terça-feira (30), duas sessões ordinárias para que os parlamentares municipais fiquem livre na quinta-feira (02). O grupo está procurando um vereador que apresente a proposta para a mesa diretora da Casa. Jeová Alencar aguarda.

Ciro é candidato?

A declaração do senador Ciro Nogueira de que o Progressistas terá o próximo governador do Piauí  fez muita gente ficar animada com a possibilidade dele disputar o governo estadual. Porém, o prefeito de Teresina, tucano Firmino Filho, tem demonstrado interesse no Palácio de Karnak. E a aliança dos dois.

Muda de ninho

Há quem acredite que o prefeito Firmino Filho deixe o PSDB e se filie no Progressistas. Assim, o desejo do tucano e a previsão do senador possa se tornar realidade. O problema é saber se Wellington Dias vai concordar com essa possibilidade. A prefeitura de Teresina foi negociada?

Saúde desejada

A secretaria estadual de Saúde está sendo a menina de ouro na novela do novo secretariado de Wellington Dias. Para a pasta se fala no nome do deputado Júlio Arcoverde, do ex-deputado federal Maia Filho e da continuação de Florentino Neto. Nessa panela, Wellington Dias sabe fazer o mingau. E todo mundo vai engolir calado o gagau.

Uma dica

Ninguém briga com governo. Muito menos quando ele está começando.

Ele é meu

Com a possibilidade de Florentino Neto ficar na secretaria estadual da Saúde,  muitos políticos começam dizer que são os responsáveis pela continuação dele na pasta. A maioria mente. Florentino Neto é do PT e apoiou, em Parnaíba, a deputada federal Rejane Dias. Ela é só a esposa do governador Wellington Dias.

Adesão

O Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) decidiu, por unanimidade, aderir a previdência complementar PrevNordeste. O TCE, por ser um órgão fiscalizador, chegou a realizar uma audiência pública para discutir sobre a adesão do Estado do Piauí  nessa previdência complementar. O presidente da Fundação Piauí Previdência, Marcos Steiner, está soltando foguetes.

Curiosidade

Os partidos aliados do governador Wellington Dias não leram por completo o projeto da reforma administrativa do governo. Se os lideres dessas legendas tivessem lido as funções da Secretaria Estadual das Cidades, não estariam nem pensando na Saúde e nem na Educação.

Político é interessante

No futebol há jogadores que repetem a mesma jogada e os mesmos dribles. Os marcadores sempre perdem a marcação. Mané Garrincha, com as pernas tortas, era um desses craques que repetiam o mesmo gingado e dava certo. Na política, há craques que fazem as mesmas jogadas e os aliados e adversários caem sempre. No Piauí, o governador Wellington Dias é especialista no assunto. Os políticos querem assim e querem assado. O indiozim apenas sorri e balança a cabeça. No final, tudo sai do jeito que o petista pensou, armou e finalizou. Wellington Dias conversa com todos e todos acham que vão sair ganhando. Ficam no achismo. O governador petista vai montar o seu secretariado do jeito que pensou. Os chefes dos partidos acham que indicaram quem queriam e na verdade são os escolhidos de Wellington.