Milésima cisterna financiada pelo Comitê Betinho inaugurada em Piripiri


A milésima cisterna de placas de cimento construída no Semiárido do Piauí pelo Instituto Viva Cidadania, de Brasília, e pelo Comitê Betinho, de São Paulo, será inaugurada nesta sexta-feira, dia 10, no Assentamento Residência, no município de Piripiri.

O projeto tem beneficiado centenas de famílias no Piauí

O coordenador do Instituto, Douglas José, e o diretor do Comitê Betinho, José Roberto, chegam, nesta quinta-feira, 10 horas, em Teresina. Na sexta-feira, às 7 horas, participam de um café da manhã na sede da Obra Kolping do Piauí e em seguida viajam para Piripiri e outros municípios da região onde o projeto de construção de cisternas está sendo executado.

As ações sociais no Piauí, apoiadas pelo Instituto e pelo Comitê na área de cisternas, iniciaram em 2015 com um projeto piloto que depois foi ampliado para outros municípios onde a escassez de água para o consumo humano é intensa no período de seca. Hoje, o projeto beneficia várias comunidades rurais de Piripiri, Cocal, Pedro II, Esperantina e Lagoa do São Francisco.

“A construção de cisternas financiadas pelo Instituto Viva Cidadania e pelo Comitê Betinho proporciona melhorias significativas na qualidade de vida de várias famílias que ainda sofrem com a falta de água no Semiárido. O programa promove a inclusão social, adotando o sistema de capacitação de mão-de-obra, como de pedreiros, na construção das cisternas, o que contribui com a inclusão na área do emprego e renda”, explica Raimundo João da Silva, coordenador Estadual da Obra Kolping do Piauí, a ONG responsável pela execução do projeto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Ascom