Margarete faz apelo a ministro para reconsiderar os cortes da Educação


Durante a Comissão Geral da Câmara dos Deputados que recebeu o Ministro da Educação, Abraham Weintrau, a deputada Margarete Coelho (PP/ PI) fez um apelo ao Ministro da Educação para reconsideração dos cortes na área da educação.

A deputada piauiense lembrou do risco de acabar com as pesquisas

A parlamentar destacou que o corte sensibiliza drasticamente os Institutos e Universidades Federais e impossibilita o custeio de diversas atividades. “O custeio é a vida que garante o funcionamento dessas instituições. Fazer um corte desse nível é matar a pesquisa e a soberania brasileira”, destacou.

Margarete lembrou que atualmente 95% da produção científica brasileira está nas instituições federais, nas universidades federais e em institutos como a Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Piauí – Emater e a Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz. “Nós garrotearmos os recursos para essas instituições é relegarmos o Brasil a um ponto extremamente preocupante com relação à sua soberania. Quando a nossa Constituição fala dos direitos sociais e econômicos, está ali o desenvolvimento social e o investimento em ciência e tecnologia como um dos princípios regradores da nossa economia”, disse.

Durante o discurso, a piauiense lembrou, ainda, dos relevantes serviços prestados pela Universidade Federal do Piauí (UFPI) e fez um apelo para que o ministro reconsidere o corte previsto para as instituições federais de ensino. “Peço que analisem outros setores e verifiquem onde tais cortes poderão ser feitos sem tanto prejuízo para o nosso País em termos de soberania nacional”, finalizou a deputada.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Ascom