Wellington desagrada Themístocles e coloca MDB com um pé na oposição


Por Manoel José

A reunião realizada na noite desta terça-feira (17) no Palácio de Karnak, sede do poder executivo estadual, terminou sem consenso e com o MDB, do deputado estadual Themístocles Filho, totalmente insatisfeito.

Os emedebistas ouviram calados a proposta de Wellington Dias

No Karnak, o governador Wellington Dias (PT) reuniu seus assessores e os deputados do MDB. A proposta era de tratar sobre aliança na chapa majoritária. Ao final, o MDB saiu totalmente insatisfeito.

A intenção do governador é colocar Marcelo Castro para disputar o Senado e ter Regina Sousa (PT) na vaga de vice. A vaga era pleiteada pelo MDB, e o nome de Themístocles era o indicado. No entanto, o governador não quer mais aceitar a condição.

Ao que tudo indica, o MDB deve seguir para a oposição. Mais cedo o MDB se reuniu com o pré-candidato ao Governo, Dr. Pessoa (Solidariedade). Caso o partido não caminhe com o governador Wellington Dias, a proposta é de apoiar o nome de Pessoa. A reunião serviu mais como uma forma de ameaçar o governador. Wellington Dias não gostou da forma como a disputa pela vaga de vice está acontecendo.

Para o governador, tudo deve ser definido em acordo com os demais partidos da base. A decisão final da chapa majoritária deve acontecer até o final desta semana.