Comissão constata atraso de 15 meses em repasses a hospitais


Deputadas Lucy Soares e Teresa Brito em visita a hospital
Foto: Assessoria parlamentar

Em vistoria aos hospitais José Furtado de Mendonça e Nilo Lima, nas cidades de São Miguel do Tapuio e Castelo do Piauí, respectivamente, nesta quarta-feira (11), as deputadas estaduais Teresa Britto (PV) e Lucy Soares (Progressistas) identificaram uma série de irregularidades nos centros de saúde.

Membros da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Piauí, as parlamentares iniciaram a vistoria pelo município de São Miguel do Tapuio, onde constataram atraso em três meses nos salários dos servidores e equipe médica, além da perda da capacidade de resolução do centro de saúde.

“Não encontramos praticamente nenhum paciente no hospital do município, que é estadual. Isso porque o hospital perdeu a credibilidade. A população não procura mais esse centro de saúde porque sabe que não recebe um atendimento digno. Precisamos resgatar a resolutividade desse hospital, porque a população está indo para Teresina ou outras cidades em busca de atendimento”, diz a deputada Teresa Britto, presidente da Comissão de Saúde da Alepi.

Deputadas inspecionam instalações de hospital
Foto: Assessoria parlamentar

Já no Hospital de Castelo do Piauí, o principal problema encontrado foi o atraso de 15 meses no repasse do Estado para custeio do centro de saúde. “Esse hospital foi municipalizado e notamos que o município tem feito um esforço para manter os atendimentos, mesmo com o repasse do Estado atrasado há mais de um ano. Alguns servidores estão com nove meses de salários atrasados. Esses problemas refletem um total descaso do Governo com a saúde pública”, declara Teresa Britto.

A próxima vistoria da Comissão de Saúde será na próxima segunda-feira (16) nos hospitais dos municípios de Barras e Piripiri.

Fonte: Alepi