Aberta consulta pública da PPP do Complexo Serra da Capivara


A Superintendência de Parcerias e Concessões do Estado (Suparc) abriu, nesta sexta-feira (13), consulta pública da concessão de uso do Complexo Hoteleiro Serra da Capivara, localizado em São Raimundo Nonato. O projeto visa à reforma, ampliação, modernização e operação do equipamento público, a fim de atender aos turistas que procuram a região para o turismo ecológico, de aventura, de pesquisa e de negócios.

As informações sobre o projeto ficarão disponíveis no site da Suparc (www.ppp.pi.gov.br) até o dia 07 de outubro e a audiência pública está marcada para o dia 02 de outubro, às 09h, no auditório da Seadprev, no Centro Administrativo. Os comentários, sugestões e as manifestações sobre os documentos da consulta deverão ser encaminhados à Suparc dentro do prazo estabelecido por meio do e-mail: serradacapivara@ppp.pi.gov.br. Será necessário apresentar as seguintes informações: nome, empresa, CPF/CNPJ, endereço, e-mail e telefone.

O complexo hoteleiro fica próximo ao Parque Nacional Serra da Capivara, unidade de conservação arqueológica com riqueza de vestígios que se conservaram durante milênios. O parque atrai uma média de 20 mil visitantes ao ano, que também podem visitar o Museu do Homem Americano e o Museu da Natureza, além de participar de festivais como a “Opera da Serra da Capivara”.

“Estruturamos o projeto em duas linhas de ação. A primeira diz respeito à reforma e modernização das instalações atuais do hotel, para que ele passe a atender aos padrões internacionais do setor. Em um segundo momento, o parceiro privado terá que construir um novo hotel, com o dobro de leitos e atrativos de lazer, como salão de jogos, lojas de souvenires e café”, explica Viviane Moura, superintende de Parcerias e Concessões do Estado.

Segundo a gestora, a expectativa é de que o processo de licitação e a contratação da empresa ocorram ainda neste ano. “As perspectivas de retorno financeiro para o parceiro privado com esse projeto são amplas, especialmente diante da localização do complexo hoteleiro e da carência de hotéis com padrão semelhante ao que está sendo proposto pela PPP. Além disso, essa é uma região com grande potencial turístico, com estradas de acesso em bom estado e com aeroporto internacional”, finaliza a gestora.

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: CCom